O respeito à singularidade do outro

Em nossos últimos textos temos falado muito da boa convivência. Isso acontece porque o objetivo da Equipe Técnica é exatamente esse, criar um ambiente saudável em que pessoas de costumes e culturas diferentes possam conviver bem.


Sabemos que o Albergue ampliou os atendimentos, dando oportunidade para as pessoas em situação de rua fazerem o isolamento social se prevenindo do contágio com o Covid-19. Com essa ação a Equipe Técnica esta trabalhando para atender todas as demandas e introduzir os Grupos de Reflexão também na Casa Ambulatório, onde estamos realizando a Quarentena. No último Grupo a Psicóloga Camila Cancini e a Assistente Social Ana Claudia Amâncio abordaram o tema "O respeito à singularidade do outro". Um envelope com fotos diversas imagens foi distribuído e cada participante tirou uma. Isso fez com que os participantes expressassem seus sentimentos, e entendessem também que para cada pessoa a figura pode representar algo diferente, e que devemos sempre respeitar a singularidade do outro.


Enxergar que cada indivíduo é único e singular ajuda a compreender a história do outro evitando julgamentos e falsas interpretações, gerando harmonia e a famosa boa convivência.


24 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo